Em Curso de Macarons, cursos presenciais

Continuando a falar de cores, vamos ir um pouco além das cores secundárias e passamos a falar de mais algumas misturas.

Dependendo da tonalidade das cores primárias que você comprar, vai resultar diferentes cores secundárias e terciária. Isso porque existem vários tons de vermelhos, azuis e amarelos. Essas cores são o conjunto de cores que podem ser combinadas entre si para criar outras cores, ou seja, misturando uma cor com outra originamos uma segunda cor e uma terceira. Achei na internet essa tabela de mistura das cores terciária bem interessante para ajudar a ter uma noção.

  A imagem acima pertence ao site: http://manualdoartista.com.br/cores-primarias-secundarias-e-terciarias/ .

Quando trabalhamos com corante alimentício precisamos levar em consideração a cor original  do alimento a ser colorido.  Essa cor pode interferir no resultado final do produto. As misturas nem sempre vão responder da mesma forma como uma tinta de uso artesanal ou artístico como o guache ou a aquarela.

Vou dar um exemplo prático para ficar mais fácil de entender.

Quando colorir uma receita de macarons:

  1. O primeiro passo é colorir a pasta de amêndoas que tem uma cor original amarelada;
  2. Em seguida acrescento o merengue que é branco;
  3. A quantidade de merengue é considerável que irá alterar a tonalidade da cor da pasta de amêndoas;
  4. Deixe a pasta de amêndoas numa tonalidade mais forte pois quando irá acrescentar o merengue a cor final será mais clara;
  5. Existe a possibilidade da cor se alterar durante o cozimento.

As fotos abaixo são de macarons antes e depois do cozimento do verde pistache.

 

Dica para se fazer o verde pistache: utilize a tabela de cores acima e siga a orientação do verde oliva: misture verde folha + amarelo.

No Workshop de macarons além de aprender fazer os deliciosos macarons você vai saber fazer uma paleta de cores, deliciosos recheios e muito mais. O curso de macarons é prático. Você aprende colocando a mão na massa. Não perca o próximo!

A programação com todos os cursos está publicada no nosso site, clique AQUI para poder se planejar.

Gostou? Deixe o seu comentário e compartilhe com seus amigos!

Deixe seu comentário

Cecilia
Cecilia de la Fuente foi nomeada Chef Pâtissière e cake designer pela Associação Brasileira da Alta Gastronomia. Formada pela FAAP em design gráfico e pós-graduada na ESPM em marketing. Desde criança cozinha para família e amigos como diversão. Em 1996 virou a mesa, transformou o hobby em profissão, deixou a área de marketing para iniciar sua carreira na confeitaria. Sempre com muita vontade de aperfeiçoar, fez curso técnico de confeitaria no SENAI. Sua ousadia em inventar receitas trouxe muitas alegrias e prêmios, o primeiro foi no concurso da Rich’s, da America Latina. Depois disso não parou mais de inventar e nunca parou de estudar. Fez cursos de confeitaria com vários profissionais de renome: François Payard, Pilar Kurdi, Nicholas Lodge, Ana Maria Salinas, Marcela Sanchez, Álvaro Rodrigues, Flávia Millás, Maisie Parrish, Lindy Smith, Debbie Brown, Colette Peters, Rosa Viacava, Kim Morrison, Autumn Carpenter, Heidi Schoentube, Cecilia Morana, Julie Bashore, Flávio Federico, Curso Doçaria Conventual em Porto – Portugal, The Wilton School of Cakes Decorating em Chicago –USA. Desde 2007 ministra aulas de doces. De lá pra cá ministra aulas no próprio atelier e também sempre é convidada para ir em outros centros de culinária no Brasil e no exterior: Centro de Culinária Tia Marlene, Loja Bondinho, Atelier Gourmand, Atelier da Gula no Rio de Janeiro, Loja Maria Chocolate em Belo Horizonte, Cristal Festas em Goiânia, Atelier de Andrea Follador em Curitiba, Stanford e Los Angeles USA. Sua grade de cursos está voltada para sweet finger foods (doces finos de festa, macarons, brigadeiros gourmet, biscoitos decorados). Os docinhos de sua autoria, dados em aula, estão fazendo sucesso nas cozinhas de seus alunos no Brasil e no exterior. O sucesso dos alunos é o seu objetivo!
Posts recomendados

Deixe um comentário

0